150 views 3 min 0 Comment

Incêndio em distribuidora de alimentos às margens da BR 277 ainda não foi apagado

- 8 de novembro de 2023

No final da manhã da última terça-feira, 7, por volta das 10h50min, funcionários de uma empresa situada na BR-277, no Km 598, acionaram o Corpo de Bombeiros através do número de emergência 193 devido a um princípio de incêndio. A rápida resposta das equipes do Corpo de Bombeiros de Cascavel se deu com a chegada das primeiras unidades ao local às 10h57min. A gravidade da situação exigiu o imediato pedido de reforços, levando o Oficial de Área, 1º Tenente QOBM Risardi, a deslocar recursos adicionais para o atendimento eficiente da ocorrência.

Como parte da ação coordenada, equipes do ABTR do quartel Central, uma carreta-tanque, o ABTR do Posto Tenente Edi e uma ambulância do posto Cabo Bonato foram mobilizados para tratar das vítimas afetadas pela inalação de fumaça. Paralelamente, o apoio do SAMU foi requisitado para cuidar de mais vítimas, enquanto a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal colaboraram no isolamento do local e no controle do tráfego na marginal da BR-277.

Para melhor resposta à situação, um ABTR adicional do quartel central foi acionado, assim como uma caminhonete para transportar uma mini escavadeira do 4º GB. Militares em seus horários regulares e de folga voluntariaram-se para prestar assistência no local. Durante o combate, foi priorizado o isolamento das empresas vizinhas para evitar a propagação das chamas, concentrando os esforços no combate aos focos de incêndio nos barracões a fim de minimizar os danos.

Anúncio

Uma análise detalhada das dimensões das estruturas afetadas e do material em combustão levou à necessidade de revezamento das equipes, uma vez que a extinção das chamas poderia se estender ao longo da noite. O comandante das equipes decidiu manter a operação ininterrupta, visando manter o local seguro e minimizar riscos para as equipes e empresas vizinhas.

No panorama atual, já durante a manhã da quarta-feira, 8 a extinção completa do incêndio só será possível com o auxílio de maquinaria pesada, uma vez que a estrutura da cobertura da empresa desabou, mantendo focos do incêndio sob os destroços. Devido ao risco de colapsos adicionais, algumas equipes foram direcionadas para áreas seguras dentro da planta da empresa, garantindo a continuidade do trabalho. Até o momento, aproximadamente 250.000 litros de água foram utilizados no combate, com cerca de 30 bombeiros se revezando no trabalho com quatro caminhões de combate a incêndios e a utilização de uma mini escavadeira.

Com informações do Corpo de Bombeiros.

Fique por dentro das notícias que são destaques em Corbélia e região. Clique Aqui e siga nosso Canal no Whatsapp.

Anúncio
Anúncio
Comments are closed.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading