COVID-19: MP, Polícia Militar e Vigilância Sanitária vão intensificar ações fiscalizadoras em Cafelândia, Nova Aurora e Iracema do Oeste

Na manhã desta quarta-feira, 09, a equipe da Vigilância Sanitária de Cafelândia foi convidada para participar de uma reunião no Fórum de Nova Aurora juntamente com o Ministério Público para tratar sobre o Decreto Estadual nº 6294/2020.

O objetivo foi repassar as informações sobre o aumento dos casos de coronavírus no estado do Paraná e principalmente sobre a falta de leitos para internamento.

Diante desta situação, as cidades que fazem parte da Comarca do Fórum (Nova Aurora, Cafelândia e Iracema do Oeste), vão aderir a uma ação fiscalizadora em conjunto com o Ministério Público, Polícia Militar e Vigilância Sanitária Municipal.

O MP determinou através do Promotor Mateus Alves da Rocha que esta ação será realizada na sexta-feira, 11, nos municípios citados acima. Esta data foi divulgada para comunicar a todos previamente, porém, as próximas ações serão realizadas em datas sigilosas.

O município de Cafelândia adotou o Decreto Estadual nº 6294/2020 em vigor desde sua publicação, bem como, o Decreto Estadual nº 1434/2020 desde o dia 07/12/2020, respeitando as atividades essenciais instituídas pelo Decreto nº 4317 de 21 /03/2020 e pelos Incisos dos Decretos nº 4318 de 22/03/2020, nº 4388 de 30/03/2020 e nº 4545 de 27/04/2020.

De acordo com a chefe da vigilância sanitária de Cafelândia, Maira Muller, os casos de COVID-19 estão aumentando diariamente. “Voltamos a ter um pico nos casos de coronavírus em todo o Paraná, por isso, o Ministério Público está intensificando esta ação com os demais poderes. Em Cafelândia, adotamos todos os decretos estaduais e estaremos fazendo a vistoria nos comércios e ruas da cidade, principalmente sobre o toque de recolher que é das 23h às 05h. Vale destacar que são determinação do Estado e temos que seguir”, explica Maira.

O promotor Mateus Alves Rocha explicou sobre as medidas que serão tomadas. “Vale lembrar a população que as ações dos municípios não podem ser menos restritivas que as do Estado, portanto, é hora de prevenção para controlar os casos de coronavírus”, destaca.

Ao sair de casa use máscara, respeite o distanciamento social e faça a higienização correta.

Fonte: Cafelândia



Conteúdo Protegido
%d blogueiros gostam disto: