ConexãoRevista.
106 Views 4 min 0 Comentário

Corbélia em Desenvolvimento: Ensino Integral municipal irá atender cerca de 600 alunos em 2024

- Corbélia
8 de janeiro de 2024
Anúncio

No ano de 2024, a educação do município de Corbélia dará um passo significativo em direção ao fortalecimento do ensino integral. O número de alunos matriculados no novo formato de ensino superou as expectativas, e chegou a 598 no total.

Principal incentivador do formato de ensino o Prefeito Dr. Giovani Miguel Wolf Hnatuw (MDB) comemora os números. Segundo ele o ensino integral amplia as possibilidades não somente de aprendizagem, mas para a própria família. “Os pais entenderam a nossa proposta. Nós já tínhamos tido essa experiência, mas com a pandemia tivemos que suspender. Agora o programa é do Governo Federal. E toda equipe trabalhou e se empenhou para que o máximo de alunos pudesse ser matriculado.”

A escola com maior número de alunos recebendo o ensino no formato integral é a Escola Municipal Tancredo Neves, foram 135 alunos matriculados. A segunda escola com o maior número de matriculados no ensino integral é o CMEI Construindo o Saber, com 125 alunos. Na sequência, com 95 alunos é a Escola Municipal Gabriel de Lara que neste ano vai atender do Infantil 3 até o 2º ano. A Escola Castro Alves irá oferecer as duas modalidades de ensino, mas sendo atendidos exclusivamente no ensino integral serão 79 alunos. O CMEI Iracema Zanato também soma 79 estudantes de ensino integral.

Anúncio

As escolas dos distritos Penha e Ouro Verde, ambas oferecerão ensino integral do berçário até o Infantil 3. No CMEI Primeira Infância serão 53 alunos e na escola Anita Garibaldi os alunos atendidos no novo formato é de 32.

Em conformidade com a Lei Nº 14.640, de 31 de julho de 2023, a mudança é obrigatória e trará alterações substanciais na abordagem pedagógica como explica a Secretária de Educação e Cultura Silvia Mara Skottki Pinto. Segundo ela a matriz curricular será expandida, incluindo atividades complementares que visam desenvolver habilidades além das disciplinas tradicionais. “Nos dois últimos anos investimos em um trabalho intenso de reforço escolar. Todas as unidades se empenharam em recuperar alunos que possuíam alguma defasagem de aprendizagem, um problema que surgiu devido a pandemia em 2021 e 2022.”

A expectativa entre os servidores da educação é grande, isso porque de acordo com Silvia o investimento no ensino integral promove um ambiente educacional mais dinâmico e enriquecedor. “Esse é passo importante que damos no nosso município. Preparamos os profissionais, realizamos as adequações nas escolas, salas de aula, grade curricular e alimentação. Estamos entrando em uma nova fase, e esperamos que ela traga bons frutos para a educação municipal em geral, mas especialmente para os nossos alunos” comemora Silvia.

Um grande investimento em material de ensino foi realizado com recursos próprios do município no início de 2023 com custo médio de R$400 por aluno. Esse material continuará sendo disponibilizado pela educação em 2024. Segundo o Prefeito, o investimento em material foi o primeiro passo para a melhoria na oferta de qualidade de ensino. “Quando apresentamos o material lá em janeiro de 2023, nós ainda não tínhamos resultados concretos dos benefícios daquela abordagem. Hoje sabemos que é esse material vai ser fundamental para que nossos alunos aprendam ainda mais.”

“Para 2024 nós ainda vamos ampliar a aquisição do material pedagógico para o Infantil 5. Com toda essa infraestrutura, alto investimento e planejamento em prática Corbélia dá um salto na qualidade do ensino” completa a Secretária Silvia Mara Skottki Pinto.

Anúncio
Comentários do Facebook
Os comentários estão fechados.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading