64 views 57 sec 0 Comment

Acusado de matar o próprio irmão é condenado a mais de 16 anos de prisão

- 5 de junho de 2024
Anúncio

O Ministério Público do Paraná obteve no Tribunal do Júri a condenação a 16 anos e três meses de reclusão em regime fechado de um homem denunciado pela morte do irmão.

O julgamento foi realizado nesta terça-feira, 4, em Ponta Grossa. O acusado já estava preso preventivamente e permanecerá detido, agora para o cumprimento da pena.

A vítima, então com 61 anos, foi morta com um golpe de faca de caça em 8 de novembro de 2023, em Itaiacoca, distrito de Ponta Grossa. O crime foi praticado na frente da casa da irmã deles, na presença dela e da mãe dos três.

Anúncio

O MPPR sustentou a tese de homicídio qualificado por recurso que dificultou a defesa da vítima, o que foi plenamente acolhido pelo Conselho de Sentença.

Não foi conferido ao réu o direito de recorrer em liberdade. Como destaca o Juízo na sentença, “o réu permanecerá preso preventivamente, considerando que foi condenado a cumprir pena em regime inicial fechado, bem como porque permanecem incólumes os fundamentos que ensejaram a decretação de sua prisão preventiva.

Destaca-se, ainda, a hediondez do delito a que foi condenado, praticados com violência e grave ameaça, donde se extrai a periculosidade do agente e a necessidade de manutenção da sua prisão”.

Com informações do MPPR.

Comments are closed.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading