fbpx

Produtores rurais de Corbélia devem atualizar o cadastro de animais até 30 de novembro

Noroeste - Gado do Noroeste do Paqraná - ( Loanda) Foto: José Adair Gomercindo-SECS

Os produtores rurais de Corbélia e região devem atualizar o cadastro de animais até o dia 30 de novembro.  O procedimento é obrigatório, previsão em lei no Decreto Estadual n.º 12.029/2014. A vacinação não é mais obrigatória, mas o recadastramento e atualização continuam. De acordo com o médico veterinário Claiton Francisco Langer, o cadastro e atualização podem ser feitos no escritório do Sindicato de Agricultura de Corbélia ou em lojas e cooperativas onde o produtor é cliente de vacinas.

“Nós estávamos em um bloco junto com Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, e pedimos pro Ministério para suspender antes dos outros estados, fomos auditados diversas vezes e com a auditoria nos concederam o adiantamento da suspensão da vacina”, explicou Claiton. A partir de 2020, será proibida a entrada de bovinos de outros estados no estado do Paraná.

O não cadastramento gera uma multa de média de R$108 por animal não cadastrado.

Claiton afirma que há mais de 400 produtores em Corbélia e rebanhos que somam mais de 18 mil animais, que precisam ser rastreados por meio do cadastro.

Os produtores também podem se cadastrar no site da Adapar, onde recebem um login e senha para o processo que permite a atualização de bovinos, equinos , abelhas, peixes, caprinos e búfalos. “A intenção disso é que a gente tem que manter o cadastro atualizado para uma eventual emergência sanitária. Vai que volta uma doença, a gente tem que saber onde estão espalhados os rebanhos bovinos para conter a doença o mais rápido possível”.

CADASTRAMENTO ONLINE:

Se for online, é preciso, primeiramente, cadastrar-se na Central de Segurança do Estado do Paraná. O próprio site da Adapar possibilita essa ação, clicando no banner Campanha de Atualização Cadastral. Deve-se escolher a opção Quero me Cadastrar, informar o CPF e nome, preencher os dados e criar login e senha. Caso a pessoa já esteja cadastrada na Central de Segurança do Estado, deve clicar no banner da campanha e acessar o caminho Já sou cadastrado.

Depois disso, é preciso preencher os espaços com o login e senha e clicar em Prosseguir.

Na página que se abre, deve-se selecionar a propriedade que estiver com pendência de comprovação de rebanho, escolher a espécie e preencher com os dados pedidos. Em seguida, clicar em Comprovar. O último procedimento deve ser repetido para cada uma das espécies com pendência.

Curta a Conexão Revista no Facebook, e tenha notícias de Corbélia, Anahy, Braganey, Iguatu, Cafelândia e Nova Aurora.

https://www.facebook.com/conexaorevista/

Conheça a Conexão Revista versão impressa. Lançamos uma nova edição a cada 90 dias.

Leia a última edição agora, basta clicar na imagem ao lado! E boa leitura! 

%d blogueiros gostam disto: