ConexãoRevista.
25 Views 5 min 0 Comentário

Unioeste: Cesta Básica em Toledo registra queda de preço em alimentos

- Oeste
20 de julho de 2023
Anúncio

O Núcleo de Desenvolvimento Regional, composto pelo curso de Ciências Econômicas e pelos programas de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional e Agronegócio e Pós-graduação em Economia da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Campus de Toledo, apresenta a Pesquisa da Cesta Básica de Alimentos para o município de Toledo para o mês de junho de 2023. Esta pesquisa também faz parte de um convênio entre a Unioeste e a Prefeitura Municipal de Toledo. 

Entre maio e junho de 2023, ocorreu uma variação no custo da cesta básica de Toledo que apresentou uma redução importante de -3,08%. Outra informação importante refere-se ao índice acumulado de variação da cesta básica nos últimos 12 meses, onde ocorreu uma redução acumulado de -0,50%, ou seja, o valor da cesta básica de junho de 2023 (R$ 606,56) é -0,50% menor que o custo da cesta básica de julho de 2022 (R$ 609,64). No que se refere à variação acumulada do ano de 2023, é notável uma variação negativa de -0,07%.

O custo da cesta básica individual passou de R$625,85 em maio de 2023 para R$606,56 em junho de 2023. A cesta básica familiar também apresentou uma redução de -3,08%, passando de R$1.877,55 em maio de 2023 para R$ 1.819,68 em junho de 2023.

Anúncio

Dos itens apresentados 9 produtos apresentaram redução no preço médio no período: o feijão (-7,35%); o pão francês (-5,68%); a carne (-5,26%); o óleo de soja (- 5,03); a farinha de trigo (-3,16%); a banana (-2,49%); o café (-2,12%); a margarina (- 2,08); o leite (-1,45%); e o tomate (-0,45%). Por sua vez 3 mostram aumento no preço médio que foram: a batata (11,07%); o açúcar (3,26%); e o arroz (1,97%).

Diante da variação total da cesta básica individual para o mês de junho de 2023, que foi de -3,08%, a redução no preço da carne representa o maior impacto para abaixo do índice. Destaca-se que a carne teve redução em 15 de 17 capitais analisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) e neste mês Toledo seguiu a tendência preponderante no mercado.

No mês de junho de 2023, o custo da cesta básica de Toledo foi maior que o de Pato Branco, Francisco Beltrão e Dois Vizinhos sendo, portanto, mais barata que as demais cidades listadas. O custo da cesta básica de Cascavel (R$666,74) foi 9,92% maior que o custo da cesta de Toledo (R$ 606,56). A diferença entre o custo de Toledo e de Cascavel aumentou em relação a maio, pois no mês de junho ocorreu uma redução no custo da cesta básica de Toledo e um aumento na de Cascavel.

Os produtos que apresentaram maior aumento de preços nos últimos 12 meses foram: o tomate, que acumulou aumento de 47,36%; a banana, que aumentou 19,25%; a batata, com incremento de 17,30%; o arroz com aumento de 13,29%; o feijão, com um pequeno aumento acumulado de 0,54%; e o açúcar com um pequeno aumento acumulado de 0,37%. Verifica-se que 7 produtos apresentaram variação acumulada negativa, que seriam o óleo de soja, com uma redução de -38,24%, o leite que diminuiu -25,89% do seu preço, o café, que reduziu -15,83%, a margarina que reduziu – 8,13%, a carne teve -6,65% de redução, a farinha reduziu -6,17% e o pão francês apresentou redução de -4,16% nos últimos 12 meses.

É importante destacar que nos últimos 12 meses se observou uma volatilidade no custo da cesta básica que se traduziu em um índice negativo, ou seja, o custo da cesta básica de Toledo reduziu em -0,50% em relação ao valor de julho de 2022.

Clique AQUI, entre no grupo do WhatsApp da Conexão Revista e receba em primeira mão as principais notícias de Corbélia e região!

Anúncio
Comentários do Facebook
Deixe uma Resposta
Você deve estar de vançavam com dificuldade em para postar um comentário.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading