Saúde alerta que somente 30% das crianças foram vacinadas contra o sarampo em Cascavel

Não é exagero falar: o sarampo pode, sim, levar a morte. E a vacinação é a única forma de prevenção contra a doença. Porém, apesar da gravidade, a Campanha de Vacinação Contra o Sarampo está com uma procura muito baixa em Cascavel. Segundo dados do PMI (Programa Municipal de Imunização), apenas 30% das crianças foram imunizadas até agora no município.

A campanha, voltada para crianças de seis meses até menores de 5 anos, teve 6.638 doses aplicadas na cidade. A meta é aplicar 21 mil doses. Ou seja, o alerta da Secretaria de Saúde é para os pais, que precisam levar seus filhos até as unidades de saúde para receber o imunizante.

“O sarampo é uma doença grave que pode deixar sequelas por toda a vida ou causar o óbito. A vacina é a única maneira de prevenir a doença”, destaca a coordenadora do PMI, Ana Carolina Rossin. A Campanha termina no dia 24 de junho.

O município de Cascavel tem doses suficientes para atender à população infantil. Toda as unidades de saúde aplicam as vacinas, sempre a partir das 8h.

Em 2022, o Brasil teve nove casos confirmados de sarampo. No ano passado, duas crianças menores de um ano morreram por conta da doença no País. E a conta é simples: vacina é igual a vida. Não deixe de vacinar os pequenos cascavelenses.

USE MÁSCARA

Vale lembrar que a vacinação é gratuita. O PMI recomenda levar a carteirinha de vacinação para manter o documento atualizado. Além disso, é obrigatório o uso de máscara dentro das unidades de saúde.

Fonte: Prefeitura de Cascavel

Conteúdo Protegido