fbpx

Prefeito de Corbélia pede afastamento por 30 dias

O Prefeito de Corbélia Giovani Miguel Wolf Hnatuw pediu afastamento do cargo no executivo por trinta dias, sob a justificativa de tratar interesses particulares. A licença concedida pelo poder Legislativo é não remunerada, em que o Prefeito não receberá salário enquanto estiver afastado.

A transmissão de posse já aconteceu, e o vice-prefeito Dangelles Decki assumiu interinamente todas as funções na terça-feira, 6, no Gabinete da Prefeitura. De acordo com a ata publicada em diário oficial o afastamento ocorre entre os dias 04 de abril e 03 de maio.

A sessão reservada, sem comunicação à imprensa, contou com a presença do Procurador Geral Dr. Vilson Roque Schwening e chefe de Gabinete Luana de Ávila Paes.

Conteúdo Protegido