ConexãoRevista.
95 Views 2 min 0 Comentário

PM desarticula esquema de contrabando na fronteira, com apreensão em Mercedes

- Oeste
16 de novembro de 2023
Anúncio

No final da tarde desta quarta-feira, 15, policiais militares do 19º Batalhão da Polícia Militar, do destacamento de Mercedes, desmantelaram uma operação de contrabando entre no Distrito de Três Irmãs, em Mercedes no oeste do Paraná.

Durante o patrulhamento, a equipe notou uma movimentação suspeita de veículos nas proximidades de portos clandestinos na região. Ao se aproximar de um desses locais, os policiais identificaram rastros de veículos que adentravam a mata e levava até os referidos portos ilegais.

No interior do porto clandestino, a equipe deparou-se com um veículo GM-Montana carregado com cigarros de origem paraguaia. Ao todo, foram apreendidos aproximadamente 2703 pacotes de cigarros de diversas marcas estrangeiras, representando um prejuízo estimado de mais de 170 mil reais para o crime organizado.

Anúncio

A operação contou com buscas nas imediações, mas nenhum responsável pela carga foi encontrado no local. O veículo e o contrabando foram apreendidos e encaminhados ao Destacamento de Mercedes para a confecção do Boletim de Ocorrências. O material apreendido será encaminhado à Receita Federal em Guaíra para os procedimentos legais cabíveis.

Esse tipo de ação reforça o comprometimento das forças de segurança na luta contra o contrabando e o crime organizado. A Polícia Militar ressalta a importância da colaboração da comunidade em fornecer informações sobre atividades suspeitas, contribuindo assim para a segurança e o bem-estar de todos. A investigação sobre o caso continua, com o objetivo de identificar e responsabilizar os envolvidos nesse esquema ilegal.

Fique por dentro das notícias que são destaques em Corbélia e região. Clique Aqui e siga nosso Canal no Whatsapp.

Anúncio
Comentários do Facebook
Os comentários estão fechados.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading