ConexãoRevista.
26 Views 4 min 0 Comentário

Paraná lidera criação de empregos para jovens na região Sul no primeiro semestre

- Estado
4 de agosto de 2023
Anúncio

O Paraná encerrou o primeiro semestre com saldo positivo de 46.727 vagas de trabalho de pessoas entre 18 e 29 anos, primeiro lugar dentro deste recorte entre os estados do Sul e quarta colocação no ranking nacional. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

O primeiro lugar ficou com São Paulo (194.728), seguido de Minas Gerais (82.994) e Rio de Janeiro (53.776). Na região Sul, Santa Catarina encerrou o primeiro semestre com 38.407 jovens entre 18 e 29 com novos empregos, enquanto o Rio Grande do Sul registrou saldo de 21.869 novos postos ocupados pela juventude. Os piores estados foram Roraima (1.464), Amapá (1.632) e Acre (2.125).

Os 46.727 novos contratos de trabalho paranaenses também representam 6,5% de todo o País, que fechou o período com 711.790 vagas.

Anúncio

O Paraná também finalizou junho, último mês consolidado, com um saldo positivo de 6.861 pessoas entre 18 e 29 anos encaixadas em vagas de emprego com carteira assinada, o que representa 86% do total de 7.899 novos postos de trabalho abertos no Estado mesmo período.

A juventude paranaense ocupou o primeiro lugar no ranking de empregabilidade na região Sul do País no período, 50,83% do saldo total de 13.499 encaixes dentro deste recorte etário. O Rio Grande do Sul, segundo colocado, encerrou o mês de junho com 3.419 jovens empregados, enquanto Santa Catarina registrou saldo positivo de 3.219 encaixes formais.

No comparativo com as demais regiões, o Paraná ocupou a quarta posição na faixa etária de 18 a 29 anos, ficando atrás apenas dos estados de São Paulo (34.668), Minas Gerais (15.095) e Rio de Janeiro (10.579). Também representou 5,4% das contratações nacionais no mês.

75,4% dos municípios do Paraná geraram empregos para mulheres no 1º semestre
Para o secretário de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda, Mauro Moraes, o desempenho do Paraná em encaminhar jovens para vagas de emprego com carteira assinada é reflexo de políticas públicas pontuais adotadas pelo Governo do Estado, em especial a oferta de cursos gratuitos de qualificação profissional, com destaque para o projeto Carretas do Conhecimento.

“Até o final de 2023 apenas esse projeto levará qualificação profissional para 45 municípios do Paraná, formando mão de obra para diversos setores da economia e, principalmente, promovendo emprego e renda para as faixas etárias que mais precisam de apoio para iniciar uma carreira profissional”, disse.

Ele também destacou um acordo recente com a Secretaria de Educação para facilitar o encaminhamento ao mercado de trabalho, seja com estágio ou uma vaga formal, de jovens egressos da rede estadual de ensino.

De acordo com o Caged, as áreas que mais ofereceram oportunidades para os jovens paranaenses em junho foram a do comércio (vendas), com 3.336 postos ocupados, produção de bens e serviços industriais (1.985) e serviços administrativos (1.881).

Clique AQUI, entre no grupo do WhatsApp da Conexão Revista e receba em primeira mão as principais notícias de Corbélia e região!

Anúncio
Comentários do Facebook
Deixe uma Resposta
Você deve estar de vançavam com dificuldade em para postar um comentário.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading