76 views 5 min 0 Comment

Mais uma vez o agronegócio será a força motriz da economia

- 24 de janeiro de 2023
Anúncio

“Sempre passamos por crise, e nunca deixamos de produzir mais, melhor e com mais tecnologia”, ponta Ismael Golin, da Futurjet Pulverizadores

“Se o peixe não morde a isca, arranje outra maneira de pescar”! Nunca um ditado popular foi tão certeiro quanto esse, visto o atual momento do agronegócio brasileiro. O produtor rural sempre navegou em um “mar de incertezas”, então as crises não são nenhuma novidade neste setor.

“Quando não é a economia, é o clima, uma praga ou outra coisa. O produtor rural aprendeu a ser forte e a acreditar. Não é só uma questão de fé, mas também de analisar números e ver de fato o que está dando certo”, avalia Ismael Golin, supervisor de vendas da Futurjet Pulverizadores e especialista em agronegócio, empresa que vem ganhando destaque no cenário nacional pelo custo-benefício que tem conseguido com seus implementos.

Anúncio

E os números para este ano realmente animam, não só o empresário rural, mas também todos que dependem do campo para sobreviver. Após um recuo considerável em 2022, o agronegócio voltará a crescer, sendo talvez o único motor propulsor da economia este ano, segundo os especialistas de mercado. Para termos uma ideia, o FGV-Ibre (Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getulio Vargas), calcula que o PIB do setor avançará 8% neste ano, depois de encolher 2% em 2022.

Se o número se confirmar, será o maior crescimento do setor desde 2017, quando a alta foi de 14,2%. Já o Santander, que esperava queda de 0,3% para este ano, estima expansão de 7,5% em 2023.

A safra esperada para este ano deve ser recorde, o que justifica uma projeção otimista. Dados de prognóstico de produção agrícola do IBGE apontam que a safra de grãos, cereais e leguminosas deve alcançar 293,6 milhões de toneladas em 2023, o que significará uma alta de 11,8% em relação a 2022.

Tempo de “plantar”

Se o cenário se mostra otimista, é com isso que Golin diz que o mercado deve trabalhar e se posicionar.

“O que vemos é que, mesmo em tempo não tão bons, as indústrias e todo o setor se mobilizam para ajudar o produtor, porque ele é a razão de tudo. As linhas de créditos melhoram e as perspectivas também. Se a previsão é boa então, isso potencializará as ações, sobretudo de crédito”, resume ele.

A Futurjet estará expondo seus lançamentos no Show Rural Coopavel 2023, feira que abre oficialmente a temporada das feiras agropecuárias no Brasil.

“Nós acreditamos que essa feira será um excelente termômetro para o ano que começa. E por acreditar nisso e no potencial que nosso país apresenta no campo, iremos lançar três novos produtos com condições excelentes para o produtor rural, com financiamento direto da fábrica, São condições que mostram como estamos buscando ajudar o setor, para que cresça ainda mais e finque em solo fértil todas as perspectivas boas para este ano”, finalizou Ismael.

Comments are closed.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading