ConexãoRevista.
29 Views 4 min 0 Comentário

Em Curitiba, Itaipu reforça apoio às APAEs e a outras entidades assistenciais

- Estado
27 de setembro de 2023
Anúncio

Dentro dos critérios estabelecidos pela empresa, instituições sem fins lucrativos podem ser atendidas por meio de auxílio eventual, convênio e patrocínio

O diretor-geral brasileiro da Itaipu, Enio Verri, e a assessora de Responsabilidade Social, Fiorinda Martins Moreira Pezatto, visitaram nessa segunda-feira (25) a Federação das APAEs do Estado do Paraná (Feapaes-PR), organização da sociedade civil (OSC) sem fins lucrativos, na sede da instituição, em Curitiba (PR).

A visita aconteceu a convite da Federação, que esteve anteriormente em Foz, reunida com o diretor-geral brasileiro.

Anúncio

No encontro, os representantes da Itaipu falaram sobre as políticas voltadas para área social – uma das pautas prioritárias da atual gestão e do governo Lula – e colocaram a empresa à disposição para ajudar tanto em ações de patrocínio, como auxílio eventual e convênio.
Durante o encontro desta segunda-feira, foi feita uma reunião on-line com presidentes de mais 300 instituições, a maioria ligadas às APAEs, com mais de mil visualizações.

Participaram do encontro presencial o presidente da Feapaes, Alexandre Augusto Botareli; o presidente do Instituto dos Cegos do Brasil, Beto Pereira, e a presidente dos Amigos e Pais de Deficientes Visuais, Evanize Andrade.

Pezatto diz que as APAEs são muito organizadas e têm recorrido à Itaipu para pedidos de vários projetos, como de placas solares e material pedagógico, entre outros. A ideia é contribuir ainda mais com essas e outras entidades sem fins lucrativos, com informações sobre o encaminhamento correto dos pedidos de apoio.

Convênios e auxílio eventual
Da área de Responsabilidade Social, a Itaipu tem 13 convênios, que atendem mais de 5 mil pessoas, com recursos na ordem de R$ 30 milhões. Outros 48 pedidos de convênio estão em tramitação, num valor global de R$ 80 milhões.

Só de auxílio eventual, um recurso emergencial com validade de seis meses, também geridos pela área de Responsabilidade Social, foram pagos 33 projetos e autorizados outros 383, que vão somar R$ 3,6 milhões. Para atender todo esse volume e liberar mais recursos, a partir de outubro, a área vai fazer um mutirão.

Apenas entidades sem fins lucrativos podem requisitar a ajuda. Elas precisam estar cadastradas na Itaipu e não apresentar pendências. Após a análise e liberação do recurso à entidade, a Itaipu analisa a execução do plano e controla a prestação de contas, observando uma série de critérios que são auditados internamente. O valor do auxílio eventual é de até US$ 35 mil, aproximadamente R$ 160 mil.

Já da área de Comunicação Social, foram concedidos, em ações de patrocínio, este ano, 220 pedidos de 214 entidades diferentes, beneficiando 86 municípios e impactando mais de 6 milhões de pessoas. O recurso soma R$ 13,8 milhões.

Anúncio

Clique AQUI, entre no grupo do WhatsApp da Conexão Revista e receba em primeira mão as principais notícias de Corbélia e região!

Comentários do Facebook
Deixe uma Resposta
Você deve estar de vançavam com dificuldade em para postar um comentário.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading