Cascavel faz balanço das ações de enfrentamento à Covid-19


Você está lendo esta notícia no site Conexão Revista. Um portal de notícias independente e feito por jornalistas com informações sobre tudo o que acontece em Corbélia e região.

Nesta quarta-feira (5), Dia Nacional da Saúde, o Secretário Municipal de Saúde, Thiago Daross Stefanello, apresentou, em entrevista coletiva à imprensa, um relatório com uma linha do tempo de ações e atividades desenvolvidas para o enfrentamento à Covid-19  em Cascavel.

Stefanello destacou que o número de casos está em queda em Cascavel, mas que isso não pode ser motivo para deixar os cuidados de lado. Uma das preocupações é com a proximidade do Dia dos Pais, quando há uma aglomeração maior de pessoas nas casas.

Em maio, os números mostraram um crescimento considerável de casos de pessoas foram infectadas no fim de semana em que se comemorou o Dia das Mães. “Reforcem os cuidados, o Dia dos Pais não pode ser o dia da retomada dos casos”, observou o secretário.

A data para a explanação dos casos não foi escolhida por acaso. Hoje, 5 de agosto, é comemorado o Dia Nacional da Saúde por ser a data de nascimento do sanitarista Oswaldo da Cruz, um importante personagem na história do combate e erradicação das epidemias da peste, febre amarela e varíola no Brasil, no começo do século XX. Hoje, também é comemorado o Dia Nacional da Vigilância Sanitária que tem a missão de proteger a saúde da população, desenvolvendo ações normativas, educativas e de fiscalização para eliminar e reduzir riscos à saúde da população.

Stefanello fez apresentação do relatório, o qual destacou os três pilares para o enfrentamento ao novo coronavírus. 1º Pilar: Salvar o maior número de vidas possível; 2º Pilar: Evitar o colapso do Sistema Único de Saúde;

3º Pilar: Não deixar que os pilares 1 e 2 destruam a economia, e por consequência mais  vidas sejam perdidas. Promover o equilíbrio entre Saúde e Economia com a retomada programada do setor econômico;

Na sequência, o secretário explanou sobre o início da doença na China até a chegada dos primeiros casos confirmados no Brasil. Em Cascavel, a Secretaria Municipal de Saúde, ainda no fim de janeiro deste ano, iniciou uma série de reuniões com autoridades públicas e privadas sobre o tema.

Em 31 de janeiro, reunião com os diretores do Show Rural foi realizada para orientar e auxiliar os organizadores para o monitoramento dos visitantes estrangeiros ao evento realizado no mês de fevereiro. A de se considerar, que o Show Rural é uma das importantes vitrines do agronegócio brasileiro e internacional.

“As reuniões das autoridades de saúde pública e também do setor privado começaram a ser mais frequentes no mês de fevereiro, conforme a emergência em saúde decretada pelo Governo Federal foi se estabelecendo. Hospitais públicos e privados, clínicas, laboratórios, entidades de classe, sindicatos, forças de segurança (Bombeiros, Polícia Militar e Guarda Municipal), Ministério Público, e muitos outros que contribuem desde o início da pandemia para a ações de enfrentamento à doença”, destacou o secretário.

COE

Em 26 de fevereiro, o município dá um passo importante para a implantação de uma ferramenta essencial no combate à Covid-19: a criação do Centro de Operações de Emergências (COE) – Portaria nº 158. Desde aquele período, o COE contou com a participação de servidores, mais tarde por membros da sociedade civil organizada, sindicatos, AMIC, ACIC, AMC, Ministério Público, Exército, Bombeiros, Guarda Municipal, Território Cidadão, entre outros.

Centenas de Portarias foram emitidas pela Secretaria Municipal de Saúde que tinha por objetivo reorganizar fluxo de atendimentos, ações estratégicas, insumos, equipamentos e testes para Covid-19. Além disso, as medidas analisadas e sugeridas pelo COE serviram de base para os Decretos Municipais, que tinham por objetivo assegurar a saúde das pessoas, e conforme avaliação posterior sobre a doença em Cascavel, novos decretos foram estabelecidos para reorganização da atividade econômica.

“De 26 de fevereiro à 05 de agosto são 162 dias de enfrentamento a Covid-19, e ao mesmo tempo de tantas outras doenças. Os servidores da SESAU nunca se omitiram, estiveram dedicados e focados em prestar o melhor atendimento. Em nome dos Diretores, Gerentes e Assessores agradecemos a cada um dos 2.334 servidores por todo o empenho, dedicação e trabalho”, congratulou Thiago.

A apresentação contou ainda com a participação dos diretores e gerentes do departamentos da Secretaria de Saúde e também membros do Centro de Operações de Emergência (COE).

São eles:

  • Monica Grando Grutzmacher (Diretora de Atenção à Saúde);
  • Beatriz Tambosi (Diretora de Vigilância em Saúde);
  • Sheila Vargas (Diretora de Planejamento, Gestão e Finanças);
  • Marly Ungareti (Gerente da Vigilância Epidemiológica);
  • Rozane Campiol (Gerente da Vigilância Sanitária);
  • Ali Haidar (Gerente da Atenção Primária);
  • Rhyanna Levandowski (Gerente da Assistência Farmacêutica);
  • Dra. Luciana Osorio Cavalli (Assessora Técnica de Atenção à Saúde);
  • Rubens Griep (Coordenador do COE);

Fonte: Prefeitura de Cascavel

Envie sugestões de pautas, fotos ou videos, para o nosso Whatsapp que a nossa equipe irá atender você (45) 9 9958-3996 ou Receba notícias da Conexão Revista no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!

Conteúdo Protegido
%d blogueiros gostam disto: