403 views 5 min 0 Comment

Brasil não sai do empate com Costa Rica na estreia da Copa América

- 25 de junho de 2024
Anúncio

A tarde ensolarada na Califórnia proporcionou um jogo muito disputado assim que o árbitro César Ramos apitou para o início de Brasil x Costa Rica, partida que encerra a primeira rodada da CONMEBOL Copa América 2024™.

Ouça a reportagem clicando no card

A seleção Canarinho logo dominou as ações com a posse de bola, com muita movimentação e troca de passes para tentar vencer a defesa adversária. Os costarriquenhos estiveram muito aplicados para contar o ataque de Raphinha, Vinícius Júnior e Rodrygo, levando a um primeiro tempo de poucas chances.

Os brasileiros colocavam a bola no chão para tentar entrar na área de Patrick Sequeira: aos 11 minutos, Rodrygo recebeu de Paquetá e chutou cruzado, rente à trave direita. A seleção chegou perto também aos 22 e 25, em jogadas rápidas, mas Paquetá não foi preciso na finalização, e Raphinha foi bem interceptado pelo goleiro adversário após lançamento de Rodrygo.

Anúncio

A sorte do time de Dorival Júnior parecia mudar aos 30 minutos quando, em cobrança de falta de Raphinha pela esquerda, Rodrygo desviou no primeiro poste e Marquinhos apareceu para completar para o fundo das redes. A revisão do VAR, no entanto, apontou o impedimento do defensor brasileiro. Nos acréscimos, o camisa 10 novamente tentou a finalização da borda da área, mas a bola saiu por cima da meta.

Na volta do intervalo, o Brasil continuou insistindo para tirar o zero do marcador. Rodrygo quase conseguiu aos 47 quando apareceu para desviar cobrança de escanteio, mas mandou para fora. Aos poucos, a Costa Rica ficou mais confiante na parte defensiva, e as chances brasileiras dentro da área ficaram mais escassas: Paquetá precisou chutar de fora da área aos 63 e acertou a trave, em um dos lances mais perigosos contra o gol adversário.

Dorival Júnior mexeu na equipe para buscar o resultado, promovendo as estreias de Savinho e Endrick – este, o mais jovem brasileiro desde 2011 a disputar uma partida na Copa América. Quando o Brasil tinha a vitória na técnica, Sequeira interviu bem, como aconteceu quando Paquetá driblou a marcação e passou para Arana chutar forte, parando em grande defesa do arqueiro dos Ticos. Bruno Guimarães teve uma finalização de dentro da área, sem precisão, no fim da partida. E assim o placar permaneceu.

Com o resultado, Brasil e Costa Rica somam seus primeiros pontos nesta edição, permanecendo atrás da líder Colômbia no Grupo D. Os colombianos venceram o Paraguai por 2-1 nesta primeira rodada.

O que vem a seguir?

Com o resultado, Brasil e Costa Rica somam seus primeiros pontos nesta edição, permanecendo atrás da líder do Grupo D, Colômbia.

As partidas da segunda rodada para o Grupo D nesta Copa América estão marcadas para o dia 28, sexta-feira: o Brasil enfrenta o Paraguai no Allegiant Stadium de Las Vegas, Nevada, enquanto a Costa Rica mede forças contra a Colômbia, jogo que será realizado no State Farm Stadium (Glendale, Arizona).

Escalações e informações
Brasil: Alisson; Danilo, Éder Militão, Marquinhos, Arana; João Gomes, Bruno Guimarães, Paquetá; Rodrygo, Raphinha, Vinícius Júnior.

  • Reservas utilizados: Gabriel Martinelli, Endrick, Savinho.
  • Cartões: Éder Militão (amarelo).
  • Treinador: Dorival Júnior.
  • Costa Rica: Sequeira; Calvo, Mitchell, Vargas; Quirós, Brenes, Galo, Lassiter, Aguilera; Zamora, Ugalde.
  • Reservas utilizados: Alejandro Bran, Warren Madrigal, Joel Campbell, Joseph Mora, Gerald Taylor.
  • Cartões: Francisco Calvo (amarelo), Manfred Ugalde (amarelo).
  • Treinador: Gustavo Alfaro.
  • Superior Player of the Match Michelob ULTRA: Patrick Sequeira (Costa Rica)
  • Árbitro: César Ramos (México)
  • Local: SoFi Stadium – Inglewood, Califórnia

Fonte: Conmebol

Comments are closed.

Descubra mais sobre ConexãoRevista.

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading