Agências do trabalhador voltam a funcionar

No Paraná, nas agências administradas pelo convênio direto entre os Governos do Estado e Federal, estão disponíveis quase 3,2 mil vagas de emprego.

Após o recesso de fim de ano, as Agências do Trabalhador do Paraná estão retomando os trabalhos de acordo com o calendário de cada cidade.

No Estado, existem duas formas de convênio envolvendo Postos de Atendimento ao Trabalhador (SINE/PR).

Na parceria entre Governo do Paraná e Ministério do Trabalho, a administração das Agências do Trabalhador é de responsabilidade do Estado, que utiliza a mão de obra do município para os atendimentos.

Ao todo, são 216 agências que fazem parte dessa forma de acordo e que estão retomando os atendimentos conforme o calendário municipal.

Para as cidades com mais de 200 mil habitantes, o convênio é feito diretamente entre os municípios e o Ministério do Trabalho. Londrina, Maringá e Ponta Grossa fazem parte da gestão municipalizada. Em Curitiba, as agências instaladas nas Ruas da Cidadania são de responsabilidade da prefeitura.

Hoje, no Paraná, nas agências administradas pelo convênio direto entre os Governos do Estado e Federal, estão disponíveis quase 3,2 mil vagas de emprego. Destas, cerca de 650 são para Curitiba e região metropolitana.

Corbélia

A Agência do Trabalhador de Corbélia, disponibiliza:

1 vaga para pintor com estrutura metálica;
1 vaga para almoxarife;
1 vaga para ajudante de carga e descarga com disponibilidade em fazer viagens em torno de 20 dias.

Conexão Revista 8ª Edição

Conheça a Conexão Revista de Corbélia também versão impressa. Lançamos uma nova edição a cada 90 dias.

Leia a última edição agora, basta clicar na imagem ao lado!

E boa leitura! 



Conteúdo Protegido
%d blogueiros gostam disto: