Moda Plus Size: Seja leve para usar o que te faz bem

Não existe nada melhor que a liberdade de um ser humano. E isso, também na hora de se vestir é algo que faz nos sentirmos bem e valorizados com nossa própria identidade, pois a moda é um grande instrumento motivacional, onde através dela é dito ao mundo muito do que se passa em nosso interior.

Nada limita uma pessoa à usar o que sente vontade, já que somos livres e podemos nos expressar através daquilo que vestimos. É fato que crescemos nos podando, já que assim, a sociedade nos ensina, porém, temos que nos libertar das amarras que nos prende a todos esses limitadores. Na moda nada é mais discutível que os padrões corporais pré-estabelecidos pelo mercado e por décadas as mulheres estiveram presas ao que era imposto e dito como “belo”.

Todos esses estereótipos criados fizeram com que durante anos mulheres e homens ficassem presos em suas escolhas que nem sempre lhes agradavam, pelo fato de não encontrarem roupas em tamanhos maiores correspondentes às suas numerações.

Mas, com o mercado em expansão muito está sendo investido para que esse público seja cada dia mais alcançado, isso por que, globalmente as coisas estão avançando para que exista uma gama de produtos que alcance todos os tipos de público independentemente do tamanho ou estilo. Grandes marcas mundiais estão se desprendendo dos tamanhos menores e produzindo também uma graduação maior, com estudos e formas de atingir da maneira certa cada tipo de corpo.

Descubra o seu tipo de corpo:

Através do seu formato corporal será mais fácil conseguir valorizar o que mais agrada e camuflar aquilo que não sente vontade de salientar

Oval: O formato ovalado tem na maioria das vezes a região abdominal  mais evidente que ombros e quadris

Ampulheta: Este tipo corporal é caracterizado por mulheres com ombros e quadril simétricos e cintura mais fina

Triângulo invertido: Onde os ombros são mais largos e quadril mais estreito

Retangular: Este formato é visto como ombros, cintura e quadril com medidas similares

Pêra: Quando os ombros são mais estreitos que o quadril

Algumas dicas para quem usa tamanhos maiores:

Corpo oval: peças soltas com decote em V para alongar o colo e valorizar os seios direcionando o destaque do corpo para a parte de cima, babados leves e franzidos na área dos ombros e na parte de baixo ajudam a equilibrar, estampas na vertical como listras, vestidos evasês com detalhes na parte superior também podem contribuir

Corpo ampulheta: como no corpo ampulheta as formas são simétricas, é muito interessante a marcação da cintura, saias godês, calças cós alto, cintos na cintura alta, vestidos tubos,saias lápis, neste tipo de corpo existe um equilíbrio por isso, acentuar a cintura é uma forma muito interessante de distribuir as formas

Corpo Triângulo invertido: como os ombros são mais largos que o quadril nesta forma, vale dar um volume a mais no quadril com peças godês com tecido mais encorpado, saias plissadas ou com texturas, pantalonas, peças com estampa mais vibrando ou cores claras na parte inferior e mais escuras na parte superior, blusas cavadas também contribuem para diminuir os ombros

Corpo Retangular: este tipo de corpo por ser mais reto, é aconselhável o uso de peças e acessórios que marquem e salientem cintura, babados e franzidos na parte superior e inferior e detalhes que tragam volume, enquanto na cintura algo mais liso. Peças soltas com cintos ou elástico que marquem a cintura, peças amplas e soltas, com decote ombro a ombro. Outra dica legal, é short e camiseta solta, para quem gosta de um estilo mais despojado

Corpo Pêra: neste formado onde o quadril e coxas são o que mais se destaca, é muito interessante peças com destaque na parte superior como ombro a ombro, decotes em V, babados, peças com ombros a mostra,estampas vibrantes. E na parte inferior cores escuras, calças flare, saias em tecidos leves e fuídos, pantalonas em cores escuras, cortes em evasê como vestidos saias, ou até mesmo pantalonas em cores escuras e ou estampas fundo escuro, peças sobrepostas como blazeres e maxicoletes

As estampas e as cores podem ser aliadas ou vilãs quando o assunto é silhueta, já que estas tem um papel fundamental na hora de distribuir as formas, então uma boa escolha pode ser essencial para dar aquela levantada no visual que tanto amamos.

Nossos corpos são livres, então saiba, entender sua identidade como algo que flui naturalmente de dentro para fora, e de forma espontânea.

Seja leve, seja livre, use o que você sentir vontade!