Corbélia entra em bandeira roxa com risco muito alto de contaminação por COVID-19

Corbélia entrou para a mais alta Matriz de Risco de contaminação por COVID-19 no município nesta quinta-feira, 18. Atingindo 33 pontos Corbélia entra para a bandeira roxa em que a recomendação é de restrição máxima.

O levantamento semanal realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, Panorama COVID-19, aponta também que entre os dias 07 e 13 de dezembro houve o maior registro de novos casos desde o mês de Maio, foram confirmados 89 pacientes com a doença no período.

O Ambulatório em Corbélia montado para atendimento exclusivo de pacientes com COVID-19 ou suspeitos da doença, chegou ter lotação máxima no início desta semana, e registrou fila de espera para internamento em enfermaria. Em entrevista ao vivo para a Conexão Revista a Secretária de Saúde Cleide Messias confirmou a situação grave que se encontra o município.

Somente no mês de dezembro foram confirmados 195 novos casos, uma média de quase 12 diagnósticos positivos ao dia. Corbélia voltou ainda a registrar óbitos em pacientes com COVID-19. A 8ª morte foi na segunda-feira, 14, um idoso de 78 anos que foi atendido no ambulatório Municipal no dia 06 de dezembro, e já no dia seguinte (7) foi transferido para o Hospital de Retaguarda de Cascavel. O homem testou positivo para a COVID-19 por meio de exame em laboratório particular, ele tinha Hipertensão e Diabetes.

No boletim divulgado na tarde de ontem, 17, o número de casos confirmados continuou em alta, e saiu de 588 no dia anterior, para 596 positivados. O número de casos ativos também continua em ascendência e somam 72 pacientes.

De acordo com o boletim são 80 pacientes em recuperação e isolamento, e 508 já estão curados.

No ambulatório municipal para COVID-19, o número de internados caiu, e liberou novas vagas para internamento. Atualmente são apenas dois pacientes que se encontram em recuperação/internamento no local.

O número de óbitos segue em oito vítimas.

Conteúdo Protegido
%d blogueiros gostam disto: