Câmara de Cascavel aprova proibição de canudos de plástico em segunda votação

Vereadores já tinham aprovado a proposta na primeira discussão por unanimidade; Se a lei for sancionada, estabelecimentos terão 180 dias para se adaptar

Os vereadores de Cascavel, no oeste do Paraná, aprovaram em segunda discussão um projeto de lei que proíbe o uso de canudos plásticos em bares de restaurante. A votação foi feita durante uma sessão nesta terça-feira (14).

A proposta já havia sido aprovada por unanimidade em primeira discussão durante sessão na segunda-feira (13).

Com a aprovação em segunda discussão, o projeto será encaminhado para a sanção do prefeito. Se sancionado, os estabelecimentos terão 180 dias para se adaptar à lei.

O projeto de lei surgiu após uma adolescente de 13 anos ir até a Câmara para propor o projeto. Os vereadores justificaram a proposta por conta da demora de até 500 anos de um canudo de plástico se decompor na natureza, além de ameaçar a vida de espécies marinhas.

Pelo projeto, os estabelecimentos poderão oferecer canudos que sejam biodegradáveis, ou seja, que podem ser absorvidos facilmente pela natureza.

Comerciantes que forem flagrados após o prazo de adaptação descumprindo a lei poderão ser multados caso não regularizarem a situação dentro de 15 dias.

Fonte: G1 Paraná

Conexão Revista 8ª Edição

Conheça a Conexão Revista de Corbélia também versão impressa. Lançamos uma nova edição a cada 90 dias.

Leia a última edição agora, basta clicar na imagem ao lado!

E boa leitura! 

Deixe um comentário

Conteúdo Protegido